Colecoestarot_site

Tarot

A joalheira Camila Sarpi e a publicitária e a estudiosa do Tarot, Alessandra Pereira, uniram-se para criar a coleção inspirada nos Arcanos Maiores das cartas do Tarot. Inteiramente criada a quatro mãos, as peças trazem uma releitura de 9 dos 22 Arcanos Maiores: O Mago. A Imperatriz, Os Amantes, A Força, O Eremita, a Roda da Fortuna, A Estrela, A Lua e O Sol.

O resultado é uma coleção de pingentes e brincos banhados a ouro ou ródio negro, com resina colorida e pedras como granada, ônix, crisopásio, quartzo fumê e citrino.

Colecoescollage_site

Collage

Inspirada nas colagens dos artistas dadaístas Jean Arp e Kurt Schwitters, a coleção Collage teve como ponto de partida a obra: Colagem com Quadrados Dispostos segundo as Leis do Acaso, de Jean Arp.

Foi brincando com elementos diferentes sem uma regra formal que Camila desenvolveu as peças desta coleção, combinando banho de ouro ou ródio, pedras em tamanhos e formatos diversos e um material usado pela primeira vez em seu trabalho: resina colorida.

ColecaoHardCandy

Hard Candy

Balas, drops, jujubas… Coloridas, doces e divertidas. A coleção Hard Candy é toda inspirada nas pedras, em como elas muitas vezes se parecem com docinhos e são, de fato, pequenas delícias.

São brincos que combinam pedras em cores e formatos diferentes, colares que parecem uma fileira de balinhas e pulseiras que lembram drops com sabor de frutas.

ColecaoJazz1

Jazz

Inspirada na chamada Era do Jazz dos anos 20, esta coleção teve como ponto de partida o período final da Art Nouveau, com suas formas sinuosas refletidas na natureza e o início da Art Déco, de representações mais geométricas.

O espírito de liberdade e alegria da época está presente no desenho decorativo das peças, bastante ornamentadas. São brincos longos, super femininos e colares que dançam no corpo de quem usa.

Colecoes

SarpiAnalogic

A coleção SarpiAnalogic foi inteiramente criada a quatro mãos pela joalheira Camila Sarpi e a tatuadora Maria Fernanda Brum, do estúdio Analogic Love.

As peças trazem uma releitura dos desenhos tatuados por Maria Fernanda, com forte inspiração Art Déco e Art Nouveau, que são praticamente “joias” na pele. Juntas, transportaram os desenhos para o universo da joalheria.

ColecaoRockyRoad

Rocky Road

A coleção Rocky Road foi inspirada nas pedras brutas, em seus formatos irregulares como encontradas na natureza. O encanto das pedras em estado bruto é justamente a singularidade de seu formato, o que acaba determinando o resultado final da peça pronta e a torna única.

Numa brincadeira com a impossibilidade de encontrar duas pedras brutas iguais, algumas peças resultam de um processo de fundição de um citrino e cristais brutos, ou seja, a reprodução artificial de um objeto que jamais seria repetido na natureza. São aneis e colares feitos com estas “gemas” metálicas, que preservam todas características visuais das originais, mas em outro material.

ColecaoSorte

Sorte

Amuletos, escudos, patuás. Sorte nunca é demais e, como já dizia a canção: “Andar com fé eu vou, que a fé não costuma falhar…”.

Colares com sal grosso e turmalina negra, tradicionalmente considerados amuletos de proteção contra o mau olhado e as energias negativas. Escaravelhos representando o renascimento e âncoras, símbolos de força e esperança, também aparecem em várias peças. Para completar, um colar com uma cartinha em branco, para carregar votos ou palavras especiais para quem usa.

ColecaoTheBasics

The Basics

Pequenos notáveis. Os clássicos de todos os dias, peças delicadas mas que fazem toda a diferença. São aneis, brincos e colares leves, tanto no visual quanto no pes, daqueles que nem lembramos que estamos usando.

Ficam ótimos sozinhos ou junto com outras peças. É a correntinha que nunca sai do pescoço, o anel pequenino que fica ótimo ao lado do outro mais trendy, o brinco discreto que dá um acabamento quando o colar é protagonista.